Política
Publicada em 13/09/17 as 13:10h - 45 visualizações
Vereador Lobo acusa prefeito Paulo Serra de bloqueá-lo no whatSapp
Parlamentar diz que tucano só atende vereador que manda beijinho na tribuna

Montero Netto


 (Foto: Divulgação)

Na sessão desta quinta-feira (5), da Câmara de Santo André, ficou clara uma ferida aberta no relacionamento do prefeito Paulo Serra (PSDB) com sua bancada de sustentação. É que o vereador sargento Lobo(SDD) decidiu mostrar publicamente como vem sendo tratado pelo chefe do Executivo. Direto e reto, se mandar recados, Lobo foi taxativo. "O prefeito me bloqueou no Whatsapp só porque não fico mandando beijinho pra ele na tribuna". Lobo garante que é da situação, mas não vai tolerar este tipo de tratamento.

O problema começou quando Serra, na opinião do vereador, não mostrou interesse em atender as demandas do parlamentar sobre o combate a violência dos bailes funk, os pancadões, que acontecem nos finais de semana na periferia andreense, levando a agressão de bandidos ao munícipes. "Solicitei ao Executivo que faça uma força tarefa para inibir essas festas. Na gestão Paulo Serra eu tenho cobrado isso desde o dia 1o de fevereiro", lembrou. Na semana passada um casal de moradores do Alzira Franco sofreu o problema na pele com o chefe da família sendo espancado dentro da própria casa por marginais. "Não dá mais para gente ficar só vendo resultados e melhorias da cidade por live, convido o prefeito a caminhar pela cidade comigo", ressaltou.

O governista lembra que não quer criar qualquer tipo de oposição gratuita. "Minha impressão que ele só recebe vereador que fica mandando beijinho na tribuna e vereador que trabalha, é profissional e técnico ele não quer ouvir", desabafou.

Controvérsia - Mas para o secretário de Segurança Cidadã, o vereador licenciado Edson Sardano, a história não é bem essa e a Prefeitura está assumindo o papel de realizar operações no local citado pelo vereador. "No sábado houve uma operação com a Guarda Municipal que passou o dia inteiro, a madrugada inteira coibindo todo tipo de ação na localidade. Mas domingo houve problema voltamos a nos reunir e estamos planejando com a Policia Militar um planejamento para em curtíssimo prazo resolver isso", finalizou. Populares da região entrevistados pelo Divulgação Exata, que não quiseram se identificar por medo de represálias, garantem que a presença da Prefeitura não tem sido notada, facilitando a ação dos marginais.Procuramos o prefeito Paulo Serra para repercutir as críticas feitas pelo vereador mas até o fechamento desta edição não tivemos resposta.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados