Palanque Político
Publicada em 19/02/16 as 17:00h - 246 visualizações
Avança Brasil vai à Brasília protestar contra o governo federal
O movimento maçom gritou palavras de protesto pedindo a saída de Dilma e do PT

Rafael Madjarof


 (Foto: Divulgação)

O governo federal começou a se preocupar com mais um grupo contrário ao Governo, o movimento Avança Brasil, composto por maçons. No dia 17/02, o grupo protestou pacificamente na Câmara dos Deputados contra o atual governo, o Partido dos Trabalhadores e a presidente Dilma Rousseff.

Utilizando luvas brancas e ternos pretos, simbolizando a honestidade e pureza, o grupo é composto por aproximadamente 250 pessoas. Entre os componentes do grupo estão presentes alguns deputados federais Maçons como Izalci (PSDB-DF), Gonzaga Patriota (PSB-PE) e Domingos Sávio (PSDB-MG).

Os deputados tucanos discursaram com críticas ao governo da presidente Dilma Rousseff. No fim dos discursos, mais gritos do grupo: "fora comunismo", "masmorras ao comunismo", "liberdade e morte". Também houve gritos de "Fora Lula" e "Sérgio Moro estamos com você".

O grupo formou um grande círculo de mãos dadas na entrada principal da câmara, os manifestantes, após permanecerem em um período de silêncio, gritaram palavras como "liberdade", "ordem" e "progresso".

O porta-voz do grupo Avança Brasil Maçons-BR, o engenheiro Nilton Caccaos, disse que é a primeira vez que uma parcela considerável da ordem é reunida, sendo representada por todos os estados brasileiros. Para ele, o recado é bem claro: a não aceitação do nível em que a corrupção se encontra no Brasil. O Avança Brasil, é um movimento maçom que foi fundado em fevereiro de 2015, pelo engenheiro Nilton Caccaos Júnior, morador de São Bernardo do Campo.

Um manifesto elaborado pelos maçons foi lido durante a sessão no plenário da câmara. O grupo aproveitou ainda para convocar novas manifestações nacionais para o mês de março deste ano.

O Avança Brasil, ainda programa ter uma conversa com os parlamentares, com os ministros do Tribunal de Contas da União (TCU) Augusto Nardes e André Luiz de Carvalho, e com os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Carmen Lúcia, Gilmar Mendes e Roberto Levandowski.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados