Mulher
Publicada em 12/08/16 as 11:50h - 174 visualizações
Thainara Morales realiza atendimento para pessoas com necessidades

Julio Cezar Greens


 (Foto: Jornal Divulgação Exata)

Thainara Morales, casada, psicopedagoga clínica e neuropsicopedagoga, realiza atendimentos a crianças, adolescentes e idosos que tenha alguma dificuldade cognitiva. Arte Psico é uma Associação sem fins Lucrativos onde realiza diversos Projetos Sociais, criado por Thainara onde iniciou na Paróquia Santa Edwiges em São Bernardo, ali começaram os atendimentos e o crescimento da associação, hoje atualmente fundando uma sede própria localizada na Avenida Senador Vergueiro, bairro Rudge Ramos.

A partir daí, a instituição começou a visitar lugares, permitindo que a criança que necessitada receba o atendimento sem cobrança de custos. Contudo, a instituição define valores acessíveis para aqueles que têm condições, ajudando no crescimento do projeto.

"Nós temos valores para as pessoas pagarem, valor acessível para quem pode custear. Já, quem não pode custear nós damos a bolsa, pelo fato de podermos contribuir, porque as pessoas que não tem ficam jogados à margem da sociedade quando sem tratamento especializado", explicou.

O procedimento geral é uma avaliação socioeconômica com a família. Mas, quando a família não tem condições de pagar uma assistente social para visitar sua casa, é oferecido uma bolsa, atendendo várias classes.

"Nosso intuito é atender a quem não pode pagar pelo tratamento especializado. Nós temos psicopedagogia e neurologia infantil. Aqui atendemos crianças deficientes ou com dificuldades de aprendizagem", contou. A instituição atende também outras especialidades, como psicologia, psicopedagogia, nutrição, fisioterapia, musicoterapia, Ludoterapia e entre outras especialidades.

"Eu atendo a criança, faço uma avaliação psicopedagógica avaliando todos os aspetos dela, o porquê que essa criança não aprende, qual é o problema que ela tem. Depois encaminho para um médico e faço uma proposta terapêutica e adaptações escolares para seu melhor desempenho escolar", declarou.

No projeto existem terapias diferenciadas como a Estimulação Sensorial para os 5 sentidos do nosso Corpo: olfato, paladar, audição, tato e Visão. Assim estimulando a coordenação motora e a reabilitação do indivíduo. Além de terapia assistida por animais, que são animais domésticos, como o coelho, hamster, porquinho da índia. Todos os bichos são adestrados para receber as crianças especiais e auxiliá-los nas atividades. E exóticos, como corujas, lagartos, etc.

"Quando recebemos um quadro clinico de dislexia, dificuldades para leitura ou problemas emocionais, usamos o cachorro para participar da terapia. Além disso o contato com o cão produz um efeito tranquilizador e relaxante. Os pacientes recebem benefícios como: diminuição os níveis de cortisol (hormônio do estresse), da ansiedade. A interação com os cães cria um vínculo afetivo, tornando a sessão de leitura mais prazerosa. Facilita a aprendizagem e a comunicação, estimula as habilidades sociais", explicou.

Atualmente, o projeto conta com sete profissionais e mais de 100 famílias cadastradas, e tem uma média de 20 atendimentos ao dia. Mesclando entre consultas pagas e de bolsas gratuitas. Aqueles que necessitam desses atendimentos basta procurar a Arte Psico. O projeto aceita doações de jogos pedagógicos, livros, materiais, roupas, móveis entre outros.

A instituição também cadastra empresas e pessoas que desejam ajudar aqueles que necessitam. 




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados