Quarta-feira, 26 de Abril de 2017

Buscar   OK
Esporte
Publicada em 19/01/17 as 13:20h - 74 visualizações
Água Santa é punido por agressões em jogo da Copinha

Rafael Madjarof


 (Foto: Divulgação)

A equipe do Água Santa foi punida ontem (18), no comitê disciplinar do TJD (Tribunal de Justiça Desportiva) da FPF (Federação Paulista de Futebol) em função das invasões de campo e agressões ao auxiliar Luis Felipe Prado Silva nos momentos finais do jogo contra o Juventude, válido pela terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Foram punidos com rigor o presidente Paulo Sirqueira e o lateral-direito Genílson, enquadrados no artigo 254-A do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva) - agressão física - e foram suspensos pelo prazo máximo de 180 dias. A pena do dirigente poderia ter sido maior, pois Sirqueira foi enquadrado no artigo 258-B, que pune invasão de campo, mas se livrou de gancho ainda mais duro, que poderia chegar a 720 dias. O atacante Lucão, ficará ausente somente por 90 dias porque ainda não é registrado como profissional.

Mas o maior temor da equipe não acontecerá, o Estádio do Inamar não será interditado, que desta forma está livre para receber jogos da equipe na Série A-2 do Paulista. O clube, que corria sério risco de ser afastado na Copa São Paulo pelos próximos por cinco anos, terá só que pagar multa de R$ 5 mil por não evitar a confusão.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Entrevistas com vereadores do ABC eleitos em 2016
Parceiros
Evolução e Mulher Determinada
Jornal Divulgação Exata - (11) 9 7240-3561 / (11) 9 6012-4549 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados