Quarta-feira, 26 de Abril de 2017

Buscar   OK
Esporte
Publicada em 08/09/16 as 13:08h - 81 visualizações
Jogos Paraolímpicos são abertos com linda cerimônia no Maracanã

Rafael Madjarof


 (Foto: Divulgação)

A décima quinta edição dos jogos paraolímpicos teve sua festa de abertura, ontem (7) no estádio do Maracanã. Cerca de 50mil pessoas estiveram presentes a cerimônia, com o slogan "Todos tem coração" o festejo, embalou a todos com atrações musicais, projeções virtuais, homenagens a esportistas e empolgação dos atletas. 

A cerimônia se iniciou às 18h15, com uma contagem regressiva seguida de vídeo em que o britânico Philip Craven,  presidente do Comitê Paralímpico Internacional, que passeou pelos principais pontos turísticos do Brasil, de Belém ao Rio de Janeiro, até "entrar" no Maracanã.

Depois do vídeo de Craven o atleta americano Aaron Fotheringhan desceu uma rampa gigante e realizou um salto radical até pousar no gramado, em acrobacia que levantou a torcida. O salto de Fotheringhan, foi seguido por uma roda de Samba que tocou clássicos da MPB com Diogo Nogueira, Xande de Pilares, Monarco, Hamilton de Holanda e Maria Rita.

Depois do samba, foi onde se começou as homenagens, o nadador Daniel Silva maior medalhista do Brasil em paraolimpíadas (15 medalhas, dez de ouro, quatro de prata e uma de bronze), foi projetado nadando no palco do Maracanã, o atleta não esteve presente a Cerimônia, pois já estrearia nas competições hoje.

A piscina de Dias se transformou em praia, e o público ficou encantado com a representação da praia carioca, neste momento a musica Aquele Abraço de Gilberto Gil foi tocada e levou o público a loucura. Após a praia, o maestro João Carlos Martins, tocou o Hino Nacional Brasileiro.

Depois do hino nacional, foi a vez das 176 delegações adentrarem o Maracanã, a genialidade de Vik Muniz foi mostrada mais uma vez, o artista propôs que cada delegação entrasse com uma peça de quebra-cabeça, no fim das contas as peças juntas formaram um lindo coração, no meio do gramado do Maracanã.

Em meio ao frágil momento, em que o país vive o presidente da República, Michel Temer, acompanhado da primeira dama Marcela Temer, recebeu uma sonora vaia quando discursou, a torcida gritou "Fora Temer", apenas poucos aplaudiram o discurso do presidente.

O momento da tocha foi um dos mais especiais da cerimônia, a ex-atleta Márcia Malsar caiu conduzindo a tocha, mas se levantou e continuou o percurso, a superação emocionou a todos os presentes, depois foi a vez da ex-atleta Ádria Santos levar a tocha e passar para o nadador Clodoaldo Silva, o tubarão, que teve a honra de ascender a pira, mesmo abaixo de chuva o nadador subiu a rampa e acendeu a pira.

Os jogos paraolímpicos segue até o dia 18, quando teremos a cerimônia de encerramento que também será no Maracanã.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Entrevistas com vereadores do ABC eleitos em 2016
Parceiros
Evolução e Mulher Determinada
Jornal Divulgação Exata - (11) 9 7240-3561 / (11) 9 6012-4549 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados