Entretenimento
Publicada em 30/09/16 as 12:04h - 76 visualizações
Consetino conta sobre sua vida literária diferente

Rafael Madjarof


 (Foto: Julio Cezar Green)

Aos 87 anos, Vitório Consentino, tem um vasto currículo, casado há 56 anos, é ex Servidor Público Federal onde sempre com energia cumpriu suas funções de encarregado da Zeladoria do Hospital Heliópolis. Uma área em que Consentino se destacou foi na literatura, o ex-servidor começou a escrever nas décadas de 70, 80 e 90, e até hoje publicou oito obras: Um Amor Vindo do Céu, Soldados do Futuro, Bom Dia Vida, O índio e o Chimpanzé, A cor do Amor, Sítio Por do Sol, Desperta Mundo e Aqui o Bicho Fala.

Quando Consentino trabalhou no hospital Heliópolis, ele sempre se preocupou na questão do bem estar social, não à toa que ele sempre tinha uma palavra amiga para confortar, para orientar, para apaziguar, quem estivesse precisando dessa ajuda.  Foi responsável por um dos grandes projetos do hospital o  GRUTAH, Grupo Teatral Amador Heliópolis, que se apresentava com peças para o público do hospital, para passar mensagens de esperança e alegria. Começou a escrever quando era funcionário do hospital, as experiências vividas no hospital com os médicos e pacientes o inspiraram para começar a escrever as poesias e livros.

Um dos livros de Consentino que teve um impacto forte foi Soldados do Futuro, um livro baseado em peça  escrita em 1978, onde o autor conta que teve que adaptar algumas coisas para driblar a censura vigente na época. "Lembro-me que de repente durante a peça um padeiro subiu ao palco e falou a minha a arma é a massa para  alimentar a população, depois passou um médico e um escritor falando sobre as suas "armas" no trabalho, de repente um colega meu do posto falou: é melhor você colocar um arma de verdade, pois infelizmente elas são necessárias", relembrou.

Embora o autor tenha um carinho muito grande por todos os livros, ele considera que sua obra mais especial seja Um Amor Vindo do Céu livro que foi escrito em homenagem a sua esposa Therezinha. O livro contém poemas sobre a vida em comum na família, a esperança nas crianças, a defesa da natureza e dos animais.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Evolução e Mulher Determinada
Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 9 7240-3561 / (11) 9 6012-4549 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados