Cidades
Publicada em 07/01/16 as 14:19h - 198 visualizações
ABC fecha 2015 com aumento de 556,3% no numero de casos de Dengue

Da Redação


 (Foto: Divulgação)

O mosquito Aedes aegypti foi o protagonista no verão de 2015, transmitindo dengue para 7.384 moradores do Grande ABC, esse número representa um crescimento de 556,3% de casos da doença em relação ao ano anterior, quando foram contabilizados 1.125 casos.

Além disso, a doença matou 7 pessoas em 2015, sendo duas em Santo André (que registrou ainda morte por um caso importado, de Tambaú, no interior de São Paulo); duas em Diadema; duas em São Caetano e uma em Mauá, que demorou a ser relacionada com a dengue em virtude de outras doenças que ocorreram simultaneamente no paciente. Contra um óbito em 2014, registrado em São Bernardo.

Já o zika vírus, também transmitido pelo mesmo inseto, não foi diagnosticado em nenhum morador da região. Quatro casos de microcefalia são investigados para verificar se há relação com o mal: dois em Santo André e dois em Diadema, outros dois foram descartados. No País, estão em investigação 3.174 suspeitas.

No ABC, a cidade de São Bernardo registrou o maior número de infectados por dengue: 2.816, seguido por Diadema, com 2.309; Santo André, com 1.377; Mauá, com 521; São Caetano, com 340 e Ribeirão Pires, com 21. A única cidade que não teve ocorrência da doença foi Rio Grande da Serra, que não registrou casos de dengue nos últimos dois anos.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Evolução e Mulher Determinada
Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 9 7240-3561 / (11) 9 6012-4549 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados