Sexta-feira, 20 de Julho de 2018

São Caetano do Sul
Publicada em 08/05/18 às 09:39h
Secretaria de Saúde de São Caetano do Sul promove campanha de doação de sangue

Da Redação


 (Foto: Divulgação/PMSCS)

No meio do ano, a chegada do frio e do período de férias escolares são fatores que costumam afastar os doadores de sangue e provocar queda nos estoques dos hemocentros em todo o país. Em atitude que visa a cooperar com o abastecimento dos bancos de sangue, a Secretaria Municipal de Saúde de São Caetano do Sul convida os munícipes a praticarem um ato de amor e de solidariedade, dirigindo-se ao Núcleo Regional de Hemoterapia "Dr. Aguinaldo Quaresma" (Rua Peri, 361, Bairro Oswaldo Cruz) para doarem sangue.

"Nossos bancos de sangue, no país todo, estão em níveis muito aquém do ideal. É a época em que a gente chama as pessoas para se solidarizarem e irem doar sangue. O processo é bem tranquilo, fácil e indolor", diz a secretária de Saúde de São Caetano do Sul, Regina Maura Zetone. Cada doação pode salvar até quatro vidas.

A doação no Núcleo Regional de Hemoterapia pode ser feita de segunda a sábado, das 8h às 12h. O material coletado na unidade abastece os hospitais Márcia Braido, Maria Braido, Euryclides de Jesus Zerbini, Hospital São Caetano, Cine (Centro Integrado de Nefrologia do ABC) e ainda o Hospital Heliópolis, na capital.

DOAÇÃO SEGURA

O procedimento é totalmente seguro, tanto para quem doa quanto para quem recebe o sangue doado.  Com os estoques mais baixos e campanhas de vacinação em andamento, pede-se doar sangue antes de se imunizar, uma vez que é preciso respeitar o período de latência das vacinas. Quem se vacinou contra a gripe só pode doar após 48 horas. Já para a vacina contra a febre amarela, o prazo mínimo é de 28 dias.  

SERVIÇO

Para ser um doador é preciso portar documento com foto, estar em boas condições de saúde, ter de 16 a 69 anos, estar bem alimentado e pesar mais de 50 kg. Menores de idade devem ter autorização do responsável e estar acompanhados de um adulto. Para quem é da Terceira Idade, a primeira doação deve ter sido feita até os 60 anos.

Homens podem doar sangue a cada dois meses, sem ultrapassar quatro doações em um ano. Para mulheres, o intervalo mínimo é de três meses, até três vezes ao ano. Outras condições podem ser consultadas no site colsan.org.br.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2018 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados