São Caetano do Sul
Publicada em 08/06/17 as 16:47h - 61 visualizações
Prefeitura de São Caetano do Sul se reúne com diretores de escolas e esclarece dúvidas

Da Redação


 (Foto: Divulgação/PMSCS)

A reunião mensal dos diretores de escola de São Caetano do Sul contou, neste mês, com a participação do prefeito municipal. O encontro foi nesta quarta-feira (07/06), no Cecape (Centro de Capacitação de Profissionais da Educação) Drª Zilda Arns.

 

O encontro com os 72 diretores da rede municipal de ensino serviu para que o prefeito José Auricchio Júnior pudesse esclarecer questões como kits de material escolar, uniformes e abono dos educadores.

 

MATERIAL E UNIFORME ESCOLARES

Com relação aos kits de material e uniforme, o prefeito disse que não é de seu perfil falar de passado e que prefere ir sempre em busca de soluções, mas ressaltou que em ambos os casos houve problemas de licitação no ano passado.

 

"A licitação dos kits de material escolar teve início na gestão anterior, mas o TCE (Tribunal de Contas do Estado) julgou o edital irregular e fomos obrigados a iniciar um novo processo licitatório. Qualquer licitação no Poder Público tem um prazo de cumprimento de todas as etapas que pode ser de cinco a seis meses. Por isso, a solução encontrada foi aderirmos à Ata de Registro de Preços  do MEC (Ministério da Educação). Com essa solução em prática, até o final deste mês de junho receberemos o material", explicou Auricchio.

 

Com relação aos uniformes, não houve licitação iniciada na gestão passada. Quando o edital já pronto, houve contestação de duas empresas, o que fez com que tivéssemos de repassar por todo o processo novamente. Por isso, a solução encontrada será a antecipação de uma ação prevista no plano de governo.

 

"Ainda no final de 2012, tínhamos a ideia de usar o cartão Profamília (programa assistencial) para as pessoas receberem um auxílio e elas mesmas adquirirem os uniformes. Mas por questões políticas, este projeto foi adiado. Agora, se fôssemos esperar novo edital, com todos os prazos exigidos por lei, os alunos não teriam uniformes este ano. Por isso, resolvemos adiantar a ideia do cartão. É claro que temos de fazer ajustes orçamentários e trabalhar junto às confecções da cidade a questão da padronização dos uniformes. Mas, assim, temos convicção de que a entrega seja feita até, no máximo, no final das férias", complementou o prefeito.

 

Essa proposta, que integra o plano de governo, facilita a vida dos pais de alunos e gera desenvolvimento e renda para o comércio da cidade, uma vez que as peças serão produzidas e comercializadas em confecções de São Caetano do Sul.

 

ABONO

O prefeito também comentou sobre o pagamento do abono aos educadores. "Não há nenhum lugar neste país todo em que tenha abono incorporado ao salário. No entanto, vejo essa questão de forma satisfatória já que o valor nominal (do abono) não mudou, continua o mesmo. Além disso, essa é a primeira vez na história que os servidores da Educação receberão 11 parcelas. Pagamos as duas que não foram pagas em 2016 e pagaremos as nove deste ano. E, se tudo der certo, dependendo do orçamento, manteremos as 11 parcelas da Educação municipal para 2018", emendou o prefeito.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados