Quinta-feira, 26 de Abril de 2018

São Bernardo do Campo
Publicada em 26/01/18 as 09:22h - 69 visualizações
São Bernardo inicia campanha de vacinação da Febre Amarela imunizando 25 mil pessoas
Prefeito Orlando Morando acompanhou a vacinação e visitou as unidades da cidade; procedimentos ocorreram de forma tranquila

Gabriela Maria


 (Foto: Omar Matsumoto e Gabriel Inamine / PMSBC)
As 34 Unidades Básicas de Saúde (UBS) de São Bernardo iniciaram, nesta quinta-feira (25/01), a Campanha Nacional de Vacinação contra a Febre Amarela, registrando a imunização de 25 mil pessoas. O município dispõe de 707 mil doses.

O prefeito Orlando Morando acompanhou de perto o início da campanha. Ao lado do secretário de Saúde, Dr. Geraldo Reple, Morando visitou algumas UBSs do município e conversou com os pacientes, em regiões como Demarchi e Riacho Grande, por exemplo.

"Temos doses suficiente para imunizar toda a população de São Bernardo. Hoje é o primeiro dia da campanha, que terá duração até o dia 17 de fevereiro. Conto com a ajuda de todos para incentivar os amigos, familiares e vizinhos a tomar a vacina. O município não possui nenhum caso confirmado da doença, mas é necessário prevenir", disse Morando.

A unidade recordista em aplicação de vacinas foi na UBS Silvina, que das 8h às 17h, distribuiu 1.000 doses na unidade. Apesar do volume grande de pessoas, a imunização ocorreu de forma tranquila em todas as 34 UBS, com média de espera de aproximadamente 30 minutos.

A assistente de qualidade, Márcia Cristina Rosa Auyb, de 44 anos, fez questão de participar logo no primeiro dia da campanha e se surpreendeu com a qualidade do atendimento. "O atendimento está ótimo e muito organizado. Tive a preocupação de me vacinar devido à divulgação que está sendo feita e pela gravidade da doença. Temos que fazer nossa parte também para combater essa ameaça", disse Márcia.

Já a comerciante Renata de Souza, de 30 anos, foi até a unidade acompanhada do filho Tomaz, de 8 anos. "Essa doença está causando muito medo, por isso é necessário incentivar todas as pessoas a frequentarem a unidade. Criança normalmente tem medo de agulha, mas o meu filho está corajoso, sabe que é necessário. A vacinação também é uma forma de proteção e amor", apontou.

O secretário de Saúde, Dr. Geraldo Reple, salientou sobre a eficácia da dose fracionada. "A vacina que está sendo distribuída na campanha tem a mesma segurança e eficácia da dose tradicional. A única diferença é sobre o tempo de proteção, a validade da dose fracionada é de 8 anos. Além disso, hoje a nossa principal meta é manter essa doença longe de São Bernardo", explicou Reple.

Para se vacinar, basta ir até uma das 34 unidades básicas de saúde e apresentar um documento com foto. As crianças necessitam estar acompanhadas dos pais ou responsáveis e apresentar um documento com foto. A dose não é indicada para gestantes e crianças com menos de 9 meses e os idosos necessitam passar por avaliação da equipe de enfermagem para tomar a vacina. O horário de funcionamento é de segunda a sexta, das 7h às 17h.

Dia D - O dia nacional de vacinação ficou agendado para o dia 3 de fevereiro (sábado). Porém, a prefeitura de São Bernardo decidiu abrir também todas as unidades no domingo (04/02), para atender à população. O horário de funcionamento será das 8h às 17h.



Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2018 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados