Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2018

São Bernardo do Campo
Publicada em 18/01/18 as 09:35h - 34 visualizações
Primeira doação salarial do prefeito Orlando Morando de 2018 é entregue à Associação Belenzinho
Localizada no Parque São Bernardo, entidade atende 210 crianças e jovens com programas educacionais e culturais; desde 2017, já foram 13 doações a instituições

Redação


 (Foto: Divulgação/PMSBC)

A Associação Belenzinho de Assistência Social (Abas), localizada no Parque São Bernardo, foi a primeira entidade filantrópica de 2018 a receber cheque de R$ 5.021,08, referente à doação de parte do salário do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando. Referente à majoração salarial do chefe do Executivo aprovado pelo governo anterior, o valor ganhará nova destinação, beneficiando cerca de 210 crianças e adolescentes assistidos pelos projetos desenvolvidos pela instituição.

 

Por meio de convênio com a Prefeitura, a entidade desenvolve trabalho de formação integral dos jovens atendidos, bem como estimula o desenvolvimento de potencialidades, habilidades, através de ações que propiciem conhecimentos, reflexões e transformações como cidadão. São contempladas crianças da Educação Infantil (creche), jovens de 14 a 17 anos, com o serviço de convivência e fortalecimento de vínculos, e crianças de 8 a 24 anos, por meio de aulas de música.

 

"Esta é uma região estratégica, onde há grande adensamento de pessoas. É muita gente e pouco espaço disponível, sem opções de lazer e de cultura para as crianças. Entidades como esta vêm justamente preencher esta lacuna social e educacional, por isso merecem nosso respeito e contribuição", destacou o prefeito Orlando Morando, durante ato de entrega do cheque.

 

De acordo com o chefe do Executivo, a meta é ampliar os convênios com entidades assistenciais da cidade, a fim de reduzir o déficit de vagas na Educação Infantil. Quando assumiu a Administração, em janeiro de 2017, Morando herdou uma fila de 4,5 mil crianças aguardando vaga em creches. Somente no ano passado, foram criadas mais 700 vagas por meio de parcerias com instituições assistenciais. Em 2018, serão criadas outras 3,8 mil vagas, com reforço de duas novas creches próprias no Riacho Grande e Jardim Nazareth. A meta é zerar a fila de espera até 2019.

 

"O prefeito está dando uma grande demonstração de que acredita no nosso trabalho. No final do ano passado passamos por grave dificuldade financeira e este dinheiro vem em boa hora. O Brasil precisa de exemplos como este. As pessoas muitas vezes cobram do governo o que nem elas mesmas fazem, que é olhar para o próximo", enfatizou a presidente da Abas, Eliane Marcos de Oliveira Silva. Até o final do ano, outras 11 entidades assistenciais receberão a doação do excedente do salário do prefeito.

 

Em 2017, foram contempladas com doações mensais as entidades: Instituto Social das Irmãs de Maria Banneux (ISMAB), Crianças Menino Jesus - Congregação São João Batista Grupo, Fraternal Francisco de Assis, Lar da Mamãe Clory, Jêsue Frantz, Centro Comunitário Nossa Senhora do Guadalupe, Casa dos Velhinhos Dona Adelaide, Semea - Sementes do Amanhã, Associação Beneficente Shekinah (creche Pequeninos do Futuro), Grupo Assistencial Boréia, Fraterno Associação Assistencial e ONG Pequeno Cidadão.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2018 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados