Quinta-feira, 26 de Abril de 2018

São Bernardo do Campo
Publicada em 04/12/17 as 08:00h - 101 visualizações
São Bernardo entrega certificados a 127 alunos do Programa Conexão com o Trabalho
Formatura dos cursos oferecidos aos participantes do PEAT foi realizada nesta sexta-feira (01/12), no Ceitec

Carla de Gragnani


 (Foto: Omar Matsumoto/PMSBC)

A Prefeitura de São Bernardo entregou nesta sexta-feira (01/12), em evento realizado no Centro de Empreendedorismo e Inovação em Tecnologia de São Bernardo (Ceitec), no bairro Baeta Neves, os 127 certificados de conclusão dos cursos do Programa Conexão para o Trabalho, que por quase três meses ofereceu aulas e palestras preparatórias para o mercado de trabalho aos jovens beneficiados pelo Programa de Educação do Adolescente para o Trabalho (Peat).

 

O programa piloto teve o objetivo de aprimorar o exercício da cidadania, assim como preparar os participantes para a carreira profissional, com oficinas de mecânica, desenho técnico, elétrica automobilística e industrial e criação de aplicativos na plataforma Android. Todos os professores que atuaram no programa são especializados em engenharia e voluntários da reserva intelectual de São Bernardo.

 

"A gente não pode deixar de acreditar nos nossos jovens, mas o sucesso não cai do céu. Tem que correr atrás e é isso que estes estudantes estão fazendo. A fase em que estão é de estudar, se empenhar e se dedicar para conquistar o sucesso na vida profissional. Os momentos difíceis se superam com determinação e foco. Se alguém aqui acha que pode ser médico, engenheiro ou advogado tem que persistir e acreditar, porque todo mundo tem o direito de buscar o seu sonho", discursou o prefeito Orlando Morando, durante ato de encerramento dos cursos.

 

Hoje, São Bernardo conta com 127 beneficiados pelo Peat, que atuam em estágios nos departamentos da Administração direta e indireta. Um destes jovens é a estudante Caroline Vitória Pereira de Lima, de 17 anos, moradora do bairro Taboão. A adolescente que cursou desenho técnico, desenvolvimento de aplicativos e elétrica industrial, fala com emoção de sua experiência no programa.

 

"Este é um programa que ajuda adolescentes que têm história, mas que muitas vezes não é a melhor história a se contar. São jovens que precisam, por conta da composição familiar. Sou muito grata a este aprendizado e conhecimentos que absorvemos aqui. Muitos aqui batalham bastante e são merecedores disso. Aqui não é só um curso técnico e sim uma lição de vida, de muito ensinamento, ânimo, força e disciplina", enfatizou Caroline.

 

Já o secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo de São Bernardo, Hiroyuki Minami, responsável pela gestão do Ceitec e pelo Programa Conexão para o Trabalho, salientou a qualidade dos cursos e do processo de preparação destes jovens para o mercado de trabalho. "Tenho certeza de que saem daqui hoje muito mais preparados para buscar bons empregos e ajudarem suas famílias. Daqui alguns anos, quando se tornarem profissionais de sucesso, esses alunos lembrarão de todo aprendizado que tiveram aqui", pontuou.

 

Peat - Para ingressar no programa os adolescentes precisam ter entre 15 anos e meio e 16 anos e meio incompletos e matriculados em escola publica. A primeira fase do projeto, com duração de um semestre, compõe um curso de formação pessoal, profissional e para o ambiente de trabalho. Ao final desta etapa, os adolescentes recebem um certificado, são contratados pela Prefeitura e recebem uma bolsa-auxílio, referente a 30 horas semanal. O estágio dura até que o adolescente complete 18 anos. 




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2018 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados