Quinta-feira, 22 de Fevereiro de 2018

Santo André
Publicada em 06/02/18 as 10:11h - 104 visualizações
Prefeitura capacita servidores para atendimento de deficientes
Curso ensina Libras a funcionários da administração municipal e do Semasa, com objetivo de atender munícipes com deficiência de maneira inclusiva

Guilherme Menezes


 (Foto: Alex Cavanha/PSA)

Santo André, 5 de fevereiro de 2018 - A Prefeitura de Santo André deu um importante passo nesta segunda-feira (5) para melhorar o atendimento ao munícipe. A Secretaria de Inovação e Administração, em parceria com a Gerência de Educação Inclusiva da Secretaria de Educação, iniciou um curso inclusivo visando beneficiar os munícipes que procuram atendimento nos postos de atendimento da administração e possuem alguma deficiência, seja ela de audição, fala, visão, locomoção ou mental.

 

Funcionários da Praça de Atendimento, CPETR (Centro Público de Emprego, Trabalho e Renda), PROCON e também do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) - que são divididos em cinco postos (Centro, Guarará, Palmares, Santa Teresinha e Parque das Nações) - também participam das aulas que serão ministradas até o começo de março, em turmas revezadas nos períodos matutino e vespertino.

 

"Sempre prezamos por atender o cidadão da melhor forma possível e não será diferente com o andreense que possui algum tipo de deficiência. Este curso dará ao servidor um melhor preparo para receber o público da maneira que ele merece, com atenção, respeito e facilidade. Vale lembrar que ainda no primeiro ano de gestão inauguramos um ótimo equipamento público de acessibilidade na biblioteca Nair Lacerda, quando recebemos uma série de tecnologias que garantem a estas pessoas o acesso ao conteúdo de livros e documentos impressos em tinta. Estamos sempre trabalhando muito esta questão de facilitar o acesso às pessoas com deficiência", comentou o prefeito Paulo Serra.        

 

Uma das principais demandas no atendimento ao cidadão andreense se faz com o surdo. Por isso, o curso de Libras (Língua Brasileira de Sinais) é o carro-chefe do curso. Os servidores aprendem os aspectos e discursivos da língua, o que auxilia no desenvolvimento dos aspectos gramaticais e discursivos. O objetivo é qualificar a interação entre o funcionário público e o munícipe.

 

As aulas trazem um ensino prático e instrumentalizado, possibilitando aos alunos um conhecimento básico para a conversação na língua gesto-visual, somando ao trabalho os recursos audiovisuais, dinâmicas e conversação em Libras. Haverá ainda a análise de filmes e vídeos para ilustrar os conteúdos, além de reflexões e a estimulação de debates na Língua Brasileira de Sinais. Os funcionários gravarão vídeos entre si para colocar em prática a técnica adquirida e que trará conforto ao munícipe. As outras deficiências receberão igual atenção. Cada encontro abordará uma dificuldade em específico, considerando suas características/peculiaridades, além de levantar as melhores estratégias para que o usuário tenha um atendimento eficaz.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2018 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados