Santo André
Publicada em 23/06/17 as 11:46h - 45 visualizações
‘Operação Delegada Municipal’ reforça segurança no segundo subdistrito
Guardas Civis Municipais atuaram no Parque Erasmo Assunção nesta quinta-feira; ações têm foco na tranquilidade dos munícipes e na redução dos índices de criminalidade

Divulgação


 (Foto: Divulgação/PMSA)

Santo André, 22 de junho de 2017 - A Guarda Civil Municipal (GCM) atuou nesta quinta-feira (22), durante todo o dia, em mais um região da cidade com a 'Operação Delegada Municipal', que coloca mais agentes de segurança nas ruas da cidade. Desta vez, o Parque Erasmo Assunção foi o bairro que recebeu a operação, que contou com 20 GCM´s, três bases móveis, viaturas da Romu (Rondas Ostensivas Municipais) e da Romo (Rondas Ostensivas com Motocicletas) realizando patrulhas. Nesta sexta-feira (23), mais uma operação acontecerá, agora no bairro Santa Terezinha.

A Secretaria de Segurança Cidadã, capitaneada por Edson Sardano, espera reduzir a sensação de insegurança apontada pelos munícipes com a Operação Delegada Municipal, além de suprir a questão da exclusão de folgas quinzenais dos GCMs, o que diminuía o efetivo operacional consideravelmente. "Onde apontarmos números crescentes de insegurança, nós estaremos lá, caminhando no sentido de proporcionar a tranquilidade que a população merece. A nossa Guarda Municipal está dando uma resposta importante para a cidade, todos os dias", destacou o secretário.

A operações funcionam nas ruas em plantões de 12 horas, escalonados em regime de hora extra, para atuação em regiões previamente analisadas pelo Comitê Integrado de Segurança (CIS). As horas extras terão um teto de pagamento estabelecido pela Prefeitura, com no máximo 150 horas diárias distribuídas entre os agentes de segurança. A medida trará uma economia aos cofres públicos, na medida que se racionalizará o gasto com horas extras.

Efetivo - A Guarda Civil Municipal de Santo André conta com quadro técnico de 598 agentes de segurança, atuando na preservação de mais de 700 próprios públicos municipais, entre escolas, UBSs, CESAs, Paço, praças, creches, Emeiefs, UPAs, e áreas de proteção ambiental.

Apenas no ano de 2016, balanço consolidado da GCM aponta para o atendimento de 6.984 ocorrências, já em 2017, apenas até o mês de abril foram 2.614, após a implementação de novos programas de segurança por meio do Comitê Integrado de Segurança, como a Operação Sono Tranquilo, que atuou mais de 1,6 mil motoristas que trafegavam com som alto pelas ruas, a 'Área de Segurança Escolar', que desenvolve conjunto de ações nos quarteirões das escolas municipais com rondas e melhorias qualitativas e requalificação do entorno, como reforço na iluminação, serviços de poda, capina e roçagem, além da Ponto Seguro, que mapeia as paradas de ônibus com maior queixa de ocorrências e promove operações direcionadas.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados