Terça-feira, 24 de Abril de 2018

Ribeirão Pires
Publicada em 05/04/18 as 13:26h - 41 visualizações
Hospital e Maternidade São Lucas reinicia serviço de registro de bebês

Da Redação


 (Foto: Reprodução)

A partir desta semana, o Hospital e Maternidade São Lucas passa a contar com o serviço de registro dos bebês nascidos na unidade da rede municipal de saúde. Por meio de parceria entre a Prefeitura e o Cartório de Registro Civil da cidade, os pais dos recém-nascidos podem agora efetuar o registro e sair da maternidade com a Certidão de Nascimento e o CPF do bebê em mãos.


Nascido nesta segunda-feira, dia 2, às 8h28, o pequeno Davi, que teve o pré-natal na rede municipal, foi o primeiro bebê a ter o registro de nascimento efetuado dentro do Hospital e Maternidade São Lucas. "O serviço é uma comodidade para nós, pais. Ao invés de termos que despender tempo para efetuar o registro num cartório, já saímos daqui com o documento. Assim aproveito para ficar ao lado do bebê e da minha esposa, Larissa", disse Erick Rodrigues Sim, 23 anos, pai do Davi.


A oficial do Cartório de Registro Civil da Comarca de Ribeirão Pires, Raquel Silva Cunha Brunetto, explica que o Hospital e Maternidade São Lucas disponibilizou espaço e estrutura para a realização do serviço - às segundas, quartas e sextas-feiras, das 15h às 16h (horário de visitas). "O hospital só passou a ter condições para que ofertássemos o serviço aos pais após a reestruturação. Agora conseguimos emitir a primeira via da certidão e registro de nascimento gratuitamente, sem que os pais precisem sair da maternidade".


"O Hospital e Maternidade São Lucas se tornou referência em nossa rede de saúde pela qualidade do atendimento e serviço prestado. Em 2017, realizamos mais de 500 partos na unidade, o que representa aumento de mais de 160% deste procedimento em relação ao ano anterior. A cada dia, avançamos e garantimos ainda mais conforto e novos serviços para os nossos pacientes", afirmou a secretária de Saúde e Higiene da cidade, Patrícia Freitas. 


Para solicitar o documento do recém-nascido, os pais precisam apresentar os RGs; no caso de não serem casados, o pai precisa apresentar termo de declaração de paternidade; e, caso sejam casados, a certidão de casamento.

O Hospital e Maternidade São Lucas passou por reestruturação em 2017, ano em que a Prefeitura firmou convênio gratuito para o município com o Grupo São Cristóvão Saúde - para a gestão dos recursos médicos da unidade e apoio na realização de diagnósticos. 




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2018 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados