Brasil
Publicada em 12/07/17 as 14:20h - 90 visualizações
Reforma Trabalhista é aprovada pelo Senado
O texto base foi aprovado por 50 votos a favor e 26 contra, em sessão conturbada

Paloma Carlos


 (Foto: Divulgação)

Foi aprovado pelo Senado na noite de terça-feira (11) o texto-base da reforma trabalhista apresentada pelo governo Temer. Após uma sessão conturbada o projeto foi aprovado por 50 votos a favor e 26 contra, e agora vai para sansão do Presidente Michel Temer.

O texto que foi aprovado pela Câmara dos Deputados em abril, não sofreu alterações no Senado. Caso sancionada por Temer, a lei será publicada no Diário Oficial da União e após quatro meses as mudanças entram em vigor no país. O projeto alterará mais de 100 pontos da CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), entre eles um dos principais é a permissão de que a negociação direta entre empresas e empregados, ou entre sindicato e empregado, tenha valor legal, conhecido como "acordado sobre o legislado".

Parte da população não concorda com muitos pontos do texto afirmando que eles reduzem os direitos dos trabalhadores. Para acalmar os ânimos Temer se comprometeu a fazer algumas alterações por MP (Medida Provisória), entre elas a exclusão da possibilidade de mulheres grávidas e lactantes de trabalharem em locais de insalubridade baixa.

Porém na madrugada de quarta-feira (12) o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, usou seu Twitter para informar que a Casa não aceitará mudanças na reforma. "A Câmara não aceitará nenhuma mudança na lei. Qualquer MP não será reconhecida pela Casa", escreveu Maia.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros
Jornal Divulgação Exata - (11) 2897-5833 - redacao@jornalexata.com.br
Copyright (c) 2017 - Jornal Divulgação Exata - Todos os direitos reservados